quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Procura-se a paciência


A minha cachola ??? ah, os neurônios saltitam, nenhum dorme !
Então não me venha com blábláblá pois eles se comunicam vorazmente e entendem vários tipos de linguagem. Até a dos sinais ultimamente andam captando.
Olhar e gestos, nossa !
Velocidade da luz !


Impressionante como tem situações que acham que podem subestimar sua inteligência.
Sou como se diz por aí e também minha mãe diz, “esquentadinha”, “sem paciência”. Para certas coisas sou mesmo. Ao menos, graças aos santos, sou educada.
Descer do salto, ninguém vai ver, mas que no meu íntimo minha cabeça ferve e os dentes rangem, ohhh...
Então, para que ter situações onde parece que estão perante um plenário respondendo a um questionário formulado por uma comissão da CPI ?
Outra máxima usada nos velhos tempos da juventude notívaga lá “nos interior”: “explicação demais se dá para porteiro de boate”.
Quando tu quer sair pela tangente, seja prático, objetivo e não dê explicações demais. Possivelmente vai ser igual a cachorro mordendo o próprio rabo, vai enrolar-se e vai entregar o ouro para o bandido. Ou então estarei sonolenta antes da metade da explicação.
Já vi isso antes e morderam o rabo.


Canso de ouvir que sou pessoa que dá certo medo. Ah, não é para tanto.
Aprendi desde cedo a viver na briga do dia a dia. Tento ser prática e objetiva e o mais sincera possível. Isso não causa medo a ninguém. A meu ver é motivo de grande mérito. E consigo deixar pessoas amedrontadas tal qual criança com medo de papai Noel ou dentista.
Medo tenho de assaltante numa rua escura.
Eu não tenho capacidade de amedrontar nem criancinha. A não ser que estes amedrontados saíram do mundo da fantasia onde passarinhos cantarolam na tua janela e teu passatempo é saltitar por campos verdes de trigo.


Confesso que não é minha qualidade a paciência. Faço tratamento diário para que isso melhore, mas tem horas que ela se esgota em segundos.
E quando penso que estou doutrinando para mantê-la por período civilizadamente aceitável, tudo se desmorona como castelo de areia.
Vivemos num mundo tão agitado, tão corrido, tão estressante, que certas pessoas se perdem entre horários, agendas, compromissos e fazem do seu dia uma confusão física e mental e que acabam finalizando o dia num desgaste sem nada realmente concretizado.
Se não é capaz de conseguir atuar maciçamente num objetivo durante um período, prolongue-o para finaliza-lo. Não insira dentro deste período mais cinco objetivos. Nem o primeiro nem os restantes será concretizado.
Coisa básica.
Quem acha que conflitos diários são exclusivos de poucos, acredito que muitos estão enganados. Até admiro quem consegue tratar o dia a dia com calma e paciência. Eu normalmente tenho um gene do estresse bem intenso. Mas consigo distribuir tudo dentro do que planejo abraçar para aquele certo período.
Problemas, compromissos, agendas, desgastes, estresses, já é mais comum e rotineiro do que escovar os dentes.

Só temos que administrar para que eles não te consumam integralmente.
Não tenho paciência para discutir o que muitos acham que somente eles tem. Todos temos nossos problemas, conflitos, e compromissos.
Só sei colocar num dia de 24h , espaço, se possível, até para conseguir ouvir os passarinhos e correr nos verdes campos de trigo.


Só depende de uma coisa, QUERER !


Não sou a senhora perfeição e correta, mas não me trate como o senhor padre pois não sei ouvir confissão!

11 comentários:

  1. Confesso que não é minha qualidade a paciência. Faço tratamento diário para que isso melhore, mas tem horas que ela se esgota em segundos.[2]

    Paciencia não é minha principal virtude, tambem sou muito pratica e objetiva as vezes dura, serio nao tenho menor saco pra pessoas montes sabem daquelas que pra vc tirar um sim ou nao demora meia hora aff que nervos, e explicaçoes que de nada vao resolver quer me ver com sangue no olho e prestes a esganar alguem é tentar me enrolar ODEIO.

    bjos

    ResponderExcluir
  2. Ixiiiiiiiiiiiii, eu sou muito paciente sim, só não sou tolerante com mentira, viro um mastodonte, viro um javali, guria, me transformo em minutos. mas na maioria das vezes deixo ate cagar na minha cabeça..enquanto um balaozinho de pensamentos vem: coitado(a), tá achando que abalou bangú!! Putz, não abalou nem jaca podre no pé...e conto até mil, e minha cabeça vai pra estratosfera, não penso em nada, nem presto atenção. só balanço a cabeça....e deixo aquele ser que tenta me estragar o dia pensando que esta falando com algué m, coitado mesmo, pois eu nem to ouvindo.

    bjão, exercite sua paciência, não faz bem pra nós estas pessoas que conseguem nos irritar, dá rugas, hihihihi. bjinho

    ResponderExcluir
  3. Paciência é algo cada vez mais raro de se encontrar...rsrsrs..eu muitas vezes perco a paciência também.

    E acho que querer é poder. Querendo é possível administrar bem o tempo pra faze-lo render.

    ResponderExcluir
  4. ja' diz um velho ditado:
    "a paciência é uma dadiva!" (que as vezes nos falta)

    ResponderExcluir
  5. Tem uma "frase" que adoro e utilizo mto: PAZ...CIÊNCIA.

    ResponderExcluir
  6. Eu num era paciente, quando mais jovem deixava pela metade, se o caldo esquentasse iá tudo pelos ares, arrombos de 5 minutos e depois pa...ssa...va... Hoje eu curto essa coisa do tempo, a ansiedade só existe quando tem medo junto, medo de errar, que fazer bosta. De resto eu procuro coisas demoradas, e vou até o fim, curto o caminho muito mais do que a chegada. :)
    Beijo
    Bom fim de semana

    ResponderExcluir
  7. Ai, confesso que as vezes minha paciência é do tamanho do grão de areia. E sei que nem sempre isso é legal. Por isso que tento fazer o exercicio da respiração: respira, respira, e fica quieta !!!

    É fato, Sra. Google, só dá rugas mesmo. Por isso que ultimamente exercito e de preferência em certos caso, me isento. Assim, não me irrito,não me incomodo, não crio rugas.
    Se for pra criar rugas, que seja de rir !

    Bah, Leandro, com certeza é uma dádiva. E ela as vezes me falta, sim !!

    É tu tá certa, Sà. Temos que ser assim mesmo. O tempo mostra o caminho. Também já fui muito pior. mas ainda quero melhorar.


    bjs queridos !!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  8. OLÁ, O NOME DO MEU BLOG MUDOU PARA: www.outracoisaumacoisa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. voltei friend!!!!!!!!!!!

    e realmente, o rio é maravilhoso!!!!!!!!!!!!!!

    amei!

    vou me atualizar aqui no teu blog!

    bjoka

    ResponderExcluir
  10. Pode não ter sido confissão e simplesmente desculpa para poder falar contigo.

    ResponderExcluir
  11. Querida Rê, bem vinda a realidade !!!
    O Rio é tudo mesmo, sinto a maior saudades. O negócio é voltar logo. Por hora falta "tempo", hehehe ..

    ** Careca, seja bem vindo e volte sempre. Adoro novas visitas, heheh


    bjs

    ResponderExcluir